Dr. Edmond Barras - Má alimentação e dor nas costas

Dr. Edmond Barras - Má alimentação e dor nas costas

Uma dieta rica em açúcar e em gorduras trans pode causar dor nas
costas? Pesquisadores do Rensselaer Polytechnic Institute e da Icahn School of Medicine suspeitam que esse tipo de dieta pode levar à degeneração dos discos intervertebrais promovendo dores e outros problemas na coluna vertebral. Esses alimentos também estão ligados ao aparecimento de diabetes tipo 2, que por sua vez também podem levar a alterações que provoquem dor nas costas. “Esperamos identificar quais os mecanismos pelos quais o diabetes e dietas incorretas interferem nos processos degenerativos que surgem com a idade”, declara um dos pesquisadores. “Se identificarmos os elementos que interferem nesse processo poderemos usar essas informações para novos tratamentos que previnam ou retardem esses processos degenerativos”.


Os pesquisadores estão tentando descobrir o que exatamente acontece
no organismo e leva à degeneração do disco intervertebral e qual seria a maneira de impedir esse processo. Estudos em camundongos sugerem uma possível ligação entre a degeneração discal, diabetes tipo 2 e dietas ricas em produtos finais de glicação avançada, AGEs. As AGEs são proteínas e lipídios que revestidos de açucares se formam sob a ação de calor, principalmente nas frituras. Com o passar do tempo esses elementos podem levar à degeneração do disco intervertebral e a outras doenças degenerativas como diabetes, arteriosclerose e doença de Alzheimer. Estudos mostram que a degeneração discal relacionada à idade é acelerada pelo diabetes tipo 2 em seres humanos.

Também os diabéticos têm resultados piores em cirurgias de coluna.
Pesquisadores do Mount Sinai em Nova York estão criando camundongos com uma dieta rica em AGE, semelhante à uma dieta “fast-food”, comparando-os com camundongos geneticamente modificados para serem imunes às AGEs. Com isso poderão se certificar do efeito prejudicial do diabetes na degeneração discal. Os pesquisadores também vão analisar uma eventual droga que bloqueie os efeitos de uma dieta rica em AGEs e com isso diminuir as possibilidades da degeneração dos discos intervertebrais.


É uma abordagem inovadora na perspectiva do tratamento dos problemas de coluna vertebral.

Deixe um comentário

Envie um Comentário