Protegido político de deputado cassado pelo TRE-RS trabalha pouco e ainda "viaja" para desnecessários encontros da Mútua (em Brasília) em dias que deveria dar expediente na CRM

Protegido político de deputado cassado pelo TRE-RS trabalha pouco e ainda "viaja" para desnecessários encontros da Mútua (em Brasília) em dias que deveria dar expediente na CRM

O ex-Mélis Lança Chamas ( Lança Chamas é o apelido que ele mesmo se autodenomina) adora viajar no horário do seu expediente… O ex-PT (só saiu para ganhar uma boquinha… Embora quisesse a CORSAN…) foi nomeado para presidir a CRM – Companhia Riograndense de Mineração por exigência do seu padrinho, o deputado cassado pelo TRE-RS (que está no cargo via liminar).

O ex-Mélvis Lança Chamas o que menos faz na sua passagem pela presidência da CRM é ficar no seu local de “trabalho” na Rua Botafogo… Ele está sempre no CREA… Fica mais tempo no CREA do que na CRM… o ex-Mélvis Lança Chamas é muito assíduo durante o seu expediente no CREA e nas reuniões da Câmara e Plenária, onde ganhou uma vaga através de presentinho/agrado do SENGE (devido aos seus prestativos serviços ao Sindicato repleto de lulistas e dilmistas…). Ganhou este presentinho do SENGE sem nunca sequer ter sido sócio do Sindicato.

Os funcionários da CRM estão dizendo que quem quiser se esconder do ex-Mélvis Lança Chamas é só ir na Rua Botafogo, 610  – Bairro Menino Deus…

Na última semana o venusto ex-Mélvis Lança Chamas esteve toda a semana em Brasilia através de um convite da ala petista da Mútua, que e representado por uma diretora lulista… Nas suas visitas ao CREA é sempre visto no gabinete da affascinante Chefe de Gabinete, que é amicíssima do seu padrinho, o deputado cassado…

Ele só recebe do contribuinte e pouco trabalha na empresa que vai ser privatizada (em que era uma das mais ferozes vozes contra a privatização até ser nomeado, é claro…). É por essas e outras razões que o Estado está quase falido devido aos que não trabalham e ao seu aparelhamento sindical que é todo cedido do Estado, onde recebem seus altos salários sem trabalhar…

Será que o TCE, o MP, o governador Leite sabem o que é improbidade administrativa??? Receber sem trabalhar!!

Deixe um comentário

Envie um Comentário